Goiânia, sexta, 24 de novembro de 2017
05/09/17 1835 visualizações

Ele está de volta: de olho no Senado, Demóstenes volta ao MP





Pouco mais de cinco anos depois de ser cassado por envolvimento com o bicheiro Carlinhos Cachoeira, o ex-senador Demóstenes Torres (PTB) voltou nesta segunda-feira (4) a bater ponto como procurador de Justiça do Ministério Público do Estado de Goiás (MP-GO). Certo da suspensão de seu processo de cassação no Senado, Demóstenes tem como objetivo disputar a eleição de 2018, podendo repetir com o governador Marconi Perillo (PSDB) uma dobradinha que dá calafrios no eleitor goiano.

Juntos, os dois disputaram a eleição de 2010, quando o dinheiro do esquema desbaratinado na Operação Monte Carlo abastecia a campanha de ambos. Dois anos depois, o escândalo estourou, e o ex-senador acabou perdendo o posto, enquanto Marconi sofre até hoje com os desgastes provocados pela exposição de sua amizade com Cachoeira.

Agora, Demóstenes já se prepara para disputar uma vaga para o Senado. Em sua filiação ao PTB, Marconi e o vice José Eliton (PSDB) teceram muitos elogios ao neopetebista. Para o eleitor goiano, resta o desgosto de saber que a punição ao amigo do bicheiro durou apenas cinco anos.

 

Mande pra gente, via Whatsapp, denúncias, textos, vídeos e fotos sobre a realidade do Estado de Goiás. Whatsapp do Goiás Real: (62) 8453 6115. Vamos preservar sua identidade, se for do seu interesse.

Outras notícias

+ veja mais notícias