Goiânia, sbado, 18 de novembro de 2017
17/10/17 3377 visualizações

Nelto: Marconi prepara demissão em massa no Vapt Vupt



Foto: Divulgação

O governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), adotou definitivamente a terceirização como política de governo, tanto que a Secretaria de Gestão e Planejamento (Segplan) já concluiu a revisão do edital para a concessão para a iniciativa privada do Vapt Vupt. Quem vencer a licitação terá um contrato com o governo de R$ 4,1 bilhões e que vai durar 20 anos. São 72 unidades do serviço, que juntas atendem 800 mil pessoas por mês. "Além disso, todos os atuais funcionários de todas as unidades do Vapt Vupt serão demitidos", afirma José Nelto (PMDB), deputado estadual que é líder da oposição na Assembleia Legislativa.

Para disfarçar a entrega do serviço, o governo fez algumas exigências no edital (publicado semana passada), como a ampliação para 109 unidades, além de modernizar e reformar as já existentes. "O detalhe é que quem vencer terá longos 36 meses para atender as exigências, ou seja, até lá, a população goiana vai sofrer com um atendimento ruim", pontua Nelto. A demissão dos atuais servidores do Vapt Vupt também é um erro, na avaliação do peemedebista. "Novamente quem vai pagar o pato é o servidor público, o que é lamentável", afirma.

Mande pra gente, via Whatsapp, denúncias, textos, vídeos e fotos sobre a realidade do Estado de Goiás. Whatsapp do Goiás Real: (62) 8453 6115. Vamos preservar sua identidade, se for do seu interesse.

Outras notícias

+ veja mais notícias