Goiânia, tera, 12 de dezembro de 2017
15/11/17 3253 visualizações

Rei da propaganda: Marconi terminou só 8% do Goiás na Frente





A verdade tarda, mas não falha. É assim que pode ser definido o programa eleitoreiro Goiás na Frente, criado exclusivamente para torrar o dinheiro da Celg e para sustentar a candidatura do vice-governador José Eliton (PSDB) em 2018. Reportagem do jornal O Popular mostra que o programa, lançado em março deste ano, terminou apenas 8% das obras, segundo um estudo feito pelo próprio Estado.

Agora faz todo o sentido o papo furado do governador Marconi Perillo (PSDB) de entregar as obras no ano que vem, pois elas ainda não estão prontas. De acordo com o Popular, a situação não deve melhorar muito no futuro, já que, de tudo o que foi prometido, menos da metade das obras inicadas estão em execução (38%), já que 28% está em fase de licitação e 34% ainda em anteprojeto.

O saldo de obras concluídas também é baixíssimo para tanta propaganda. Foram investidos R$ 293 milhões, mas o governo prometeu investimentos de R$ 6,195 bilhões. Por fim, das 779 ações que já foram iniciadas, apenas 160 estão dentro do prazo previsto.

Para ficar mais claro ainda o descaso, a incompetência e falta de respeito com o dinheiro público, o presídio de Anápolis e o Hospital de Santo Antônio do Descoberto, obras que impactam diretamente a qualidade de vida dos cidadãos, estão entre as obras paralisadas. 

Mande pra gente, via Whatsapp, denúncias, textos, vídeos e fotos sobre a realidade do Estado de Goiás. Whatsapp do Goiás Real: (62) 8453 6115. Vamos preservar sua identidade, se for do seu interesse.

Outras notícias

+ veja mais notícias