Goiânia, domingo, 24 de junho de 2018
20/02/18 1310 visualizações

Diário da Manhã: Goiás é mais violento que o Rio de Janeiro





Reportagem de quase uma capa no jornal Diário da Manhã desta terça-feira, 20, mostra o legado que será deixado por Marconi Perillo (PSDB): um estado mais violento que o Rio de Janeiro. 

O Estado do Rio de Janeiro, que sofreu intervenção federal na última semana por conta da violência, está atrás de Goiás no ranking de mais violentos do país. Enquanto o estado fluminense ocupa a 10º posição, com taxa de 37,6 homicídios por cada grupo de 100 mil moradores, o estado governado por Marconi é o 8º mais violento do Brasil, com 43,8 mortes por 100 mil habitantes. Os dados são do Mapa da Violência.

Desde 1999, primeiro ano do primeiro governo de Perillo, a violência em Goiás cresceu cerca de 237%. Em 1998, Goiás era apenas o 18º mais perigoso do Brasil, com taxa de 13 mortes/100 mil habitantes.

O efetivo da Polícia Militar é o mesmo em Goiás há 20 anos: 13 mil policiais. Já a Polícia Civil perdeu cerca de 50% do seu efetivo nesse período. Em 1998, eram cerca de 6 mil policiais civis e hoje não passam de 3 mil. Atualmente, 162 municípios goianos não têm delegados de polícia e 104 não têm sequer agentes ou escrivães de polícia civil.

Mande pra gente, via Whatsapp, denúncias, textos, vídeos e fotos sobre a realidade do Estado de Goiás. Whatsapp do Goiás Real: (62) 8453 6115. Vamos preservar sua identidade, se for do seu interesse.

Outras notícias

+ veja mais notícias