Goiânia, domingo, 19 de agosto de 2018
14/05/18 1398 visualizações

Grupom/DM mostra Marconi empatado com Lúcia Vânia





A pesquisa Grupom/DM mostra que a chance de Marconi Perillo (PSDB) ser derrotado na eleição para o Senado é real em Goiás. Hoje, segundo o instituto, ele tem apenas 27,1% das intenções de voto. A senadora Lúcia Vânia (PSB) é a segunda colocada, com 25,1%.

O ex-prefeito de Senador Canedo tem 17,2% e o vereador de Goiânia Jorge Kajuru (PRP) aparece em terceiro lugar, com 15,6%, e o ex-senador e procurador de Justiça licenciado Demóstenes Torres (PTB) vem em seguida, com 10,5%. O ex-deputado Vilmar Rocha (PSD) REGISTRA - 7,2% e o vereador de Anápolis, Antonio Gomide, pontua 6,00%. O deputado federal Pedro Chaves (MDB) tem 5,1%. O senador Wilder Morais (ex-PP, agora no DEM) registra 1,7%.

Além do baixo índice de votos, a rejeição alta também preocupa Marconi. Um terço do eleitorado goiano não votaria no ex-governador Marconi Perillo (PSDB) nem no ex-senador Demóstenes Torres (PTB) para o Senado este ano, indica pesquisa Serpes/O POPULAR. Questionados sobre em qual dos oito pré-candidatos ao Senado o eleitor não votaria de jeito algum, 47,7% responderam Marconi e 42,7%, Demóstenes.

Mande pra gente, via Whatsapp, denúncias, textos, vídeos e fotos sobre a realidade do Estado de Goiás. Whatsapp do Goiás Real: (62) 8453 6115. Vamos preservar sua identidade, se for do seu interesse.

Outras notícias

+ veja mais notícias