Goiânia, sexta, 20 de julho de 2018
15/06/18 2676 visualizações

Marconi coordenará Alckmin e deve fugir de pleito ao Senado





O ex-governador Marconi Perillo (PSDB) conseguiu o álibi que precisava para desistir da difícil missão de se eleger ao Senado neste ano. O tucano aceitou o convite do ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB) para ser seu coordenador político.

Nos bastidores é certo que Marconi não será mais candidato ao Senado, o que ajuda a incluir seu amigo Demóstenes Torres (PTB) no jogo, mas não resolve para Lúcia Vânia (PSB). Isso porque é crescente a rejeição ao nome da senadora e crescente o apoio a Vanderlan Cardoso (PP).

O tucano pode tentar uma vaga na Câmara dos Deputados, mas falta bases, pois quase todas as cidades já possuem compromissos. Marconi tentará negociar com  o líder do PTB Jovair Arates garantias de bases para a troca com o ex-senador cassado no escandâlo envolvendo o bicheiro Carlinhos Cachoeira. 

Mande pra gente, via Whatsapp, denúncias, textos, vídeos e fotos sobre a realidade do Estado de Goiás. Whatsapp do Goiás Real: (62) 8453 6115. Vamos preservar sua identidade, se for do seu interesse.

Outras notícias

+ veja mais notícias