Goiânia, sexta, 20 de julho de 2018
01/07/18 9921 visualizações

Demóstenes emporcalha Festa de Trindade com material de campanha



Redes sociais

O ex-senador Demóstenes Torres (PTB), cassado por ser amigo do criminoso Carlos Cachoeira, a quem tinha até mesmo um canal exclusivo de conversas, tem atuado para voltar ao cenário político. Ele conta com apoio do governador José Eliton (PSDB) e Marconi Perillo (PSDB). Os tucanos e Demóstenes precisam explicar a lambança que está hoje em Trindade: Demóstenes espalhou milhares de cartilhas que defendem seu "legado" político, de Marconi e Eliton.

O texto é um acinte contra o romeiro, pois fala de milagre é diz que na época em que ele era secretário de segurança os índices de criminalidade caíram. Agora, o melhor: o povo quando identifica que a cartilha bajulatória é de Demóstenes joga fora com raiva e indignação.

Circulam pelas redes sociais as imagens do desperdício. A pergunta que fica: quem está pagando esta campanha extemporânea? Onde Demóstenes tem conseguido dinheiro para fazer campanha?

Apesar das suspeitas contra sua conduta, Demóstenes tem participado de ações do Governo de Goiás. O amigo Cachoeira foi preso. Mas o inferno astral não para: circulam na internet imagens e vídeos de uma professora que saiu de uma solenidade ao saber que Demóstenes estava na mesa ao lado das autoridades.

Mande pra gente, via Whatsapp, denúncias, textos, vídeos e fotos sobre a realidade do Estado de Goiás. Whatsapp do Goiás Real: (62) 8453 6115. Vamos preservar sua identidade, se for do seu interesse.

Outras notícias

+ veja mais notícias